Por dentro da carreira em Engenharia de Produção

O que faz o engenheiro de produção?

Atuar na área de Engenharia de Produção é ter oportunidade de desenvolver uma carreira em empresas e indústrias de diversos setores. Esse profissional é o responsável por otimizar os processos de produção, seja para acabar com desperdícios ou sugerir formas mais eficientes de usar materiais, máquinas e profissionais, ou seja, na produção de um produto ou na promoção de um serviço.

Em outras palavras, este engenheiro está habilitado para gerenciar pessoas e recursos. Suas metas principais são: maior produtividade e economia. Por isso, sua formação é bastante abrangente, incluindo áreas de administração, engenharia, economia e logística.

Entre diversas outras atividades, faz parte da rotina de um engenheiro de produção desenvolver procedimentos, resolver e minimizar os custos, criar eficiência nos processos de produção, assegurar padrão de qualidade no que está sendo produzido, conversar com fornecedores, checar o departamento de compras e verificar fornecedores.

Perfil do engenheiro de produção

O perfil ideal é aquela pessoa com capacidade de organização, visão holística e raciocínio lógico. Precisa gostar de enfrentar desafios e ter habilidade em resolver problemas de forma calma e eficiente. Apesar da necessidade de ter habilidades em relações humanas, é muito importante ter facilidade nas áreas de exatas e gostar de tecnologia.

A rotina do engenheiro de produção é tomada por decisões que influenciam na produtividade e qualidade dos produtos da empresa. Por isso, esse profissional precisa gostar de fazer escolhas e assumir a responsibilidade dos resultados.

A faculdade de engenharia de produção

Com duração média de cinco anos, a faculdade tem disciplinas das áreas de engenharia e de exatas; ao completar essa formação inicial, o aluno terá aulas de gestão financeira, produção, gestão de pessoas e qualidade. Muitas faculdades fornecem o curso com alguma habilitação específica, podendo ser em agroindústria, construção civil, mecânica, metalúrgica, gestão ambiental, entre outras. O Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) é obrigatório, assim como o estágio.

Engenharia de Produção ou Administração?

Uma dúvida comum para quem está decidindo qual carreira seguir é entre Engenharia de Produção e Administração. A produção é uma parte essencial da administração, mas isto não significa que as duas áreas são sinônimas.

Quem segue a carreira em engenharia de produção deverá estar preparado para conhecer muito bem o processo produtivo, com foco bastante quantitativo em produtividade. Já o administrador terá uma visão mais geral sobre as diversas partes de uma empresa, inclusive a produção, e pode se especializar em diversas funções que não necessariamente são relacionadas a produção, como marketing, finanças e recursos humanos.

Em resumo, o aluno que faz engenharia de produção se qualifica para iniciar sua busca por ser um expert nas áreas de operações e logística.

Profissão Engenharia de Produção

Números de mercado de trabalho

É muito comum o engenheiro de produção sair da faculdade com um emprego na área e com um salário inicial de cerca de R$ 2.500 a R$ 3.000.

Pesquisas mostram que o salário fica entre R$3 mil a R$9...

Leia Mais