Profissão Gestão Hospitalar - Números do mercado de trabalho

Salários

Segundo levantamento da Catho, a média salarial de gestores hospitalares em início de carreira costuma girar em torno de R$1500,00, exercendo atividades mais operacionais e burocráticas nos cargos de auxiliar, assistente e analista. Conforme o profissional vai acumulando experiência, tempo na empresa e formações adicionais (como especializações e MBAs), ele pode ser promovido a cargos de maior responsabilidade e complexidade, fazendo, por exemplo, o planejamento de ações estratégicas para a instituição. Um supervisor de administração hospitalar tem salário médio de R$3000,00, enquanto um gerente de administração hospitalar ganha em média R$6000,00. O cargo de maior nível hierárquico é de diretor hospitalar, com média salarial de R$18.000,00. Portanto, o profissional de Gestão Hospitalar tem boas perspectivas salariais, sendo que em geral os salários são maiores em empresas particulares e de grande porte.

O mercado de trabalho

A concentração das vagas está nas regiões Sul e Sudeste, mas especialistas apontam para um aquecimento do mercado na região Norte, onde há falta de profissionais qualificados para o trabalho específico de Gestão Hospitalar. Falam também da demanda por gestores hospitalares na área farmacêutica, bem como profissionais com bons conhecimentos de informática, para implantar sistemas de informatização na gestão dos serviços. Os locais que mais contratam gestores hospitalares são hospitais, laboratórios de análise, clínicas médicas e casas de repouso para idosos. A atuação dos profissionais em empresas de seguro hospitalar se dá na venda de planos, aproximando a atividade ao marketing.

Há um aumento da oferta de vagas para pessoas graduadas ou especializadas em Gestão Hospitalar pois as instituições de saúde têm percebido a importância e a necessidade desse profissional para o bom funcionamento da empresa. Cada vez mais o cargo de gestor hospitalar está sendo ocupado por pessoas de fato qualificadas para a administração com conhecimentos de saúde, e não tanto médicos que possuem o conhecimento da rotina hospitalar mas não necessariamente as técnicas e estratégias de gestão.

Essa é uma profissão em que a experiência anterior conta muito na competição pelas vagas, pois mostra uma pessoa já com vivências na administração e na solução de problemas técnico-administrativos na área de saúde. Portanto, aos interessados nessa carreira é indicado procurar estágios desde o início da graduação, para conhecer as atividades e os desafios na prática e entrar em contato com toda a complexidade das rotinas de instituições de saúde. Como na maior parte das profissões, fazer cursos de pós-graduação é muito positivo na construção da carreira, chegando a ser essencial para se alcançar os cargos de maior nível hierárquico.

Por dentro da carreira em Gestão Hospitalar

Segundo levantamento da Catho, a média salarial de gestores hospitalares em início de carreira costuma girar em torno de R$1500,00, exercendo atividades mais operacionais e burocráticas nos cargos de auxiliar, assistente e analista. Conforme o profissional vai acumulando experiência, tempo...

Leia Mais