Profissão Hotelaria - Números do mercado de trabalho

Salários

Ser formado em hotelaria não é um pré-requisito para ingressar na área, mas é um diferencial na competição pelas vagas e permite maior mobilidade e crescimento na carreira, ou seja, maiores salários. Segundo levantamento realizado pela Catho, a média salarial de estagiários de hotelaria gira em torno de R$900,00. Depois de formado, em início de carreira, a média salarial de um hoteleiro sobe um pouco para R$1.100,00, em cargos operacionais com atividades semelhantes às do estágio. Em nível hierárquico médio, o salário sobe mais: de R$2.500,00 a R$4.000,00, sendo o domínio de idiomas e cursos de pós-graduação (especialização, aprimoramento, MBA...) um fator determinante no ganho do profissional. O auge da carreira costuma ser atingido depois de 10 anos de trabalho, e o salário desses profissionais em cargos de grande responsabilidade como gerência pode variar bastante: de R$8.000,00 a R$15.000,00, conforme o tamanho da empresa, sua localização, número de estrelas, área especializada em que o profissional atua, etc. Assim, é essencial investir na sua formação continuamente, qualquer que seja o curso superior de sua escolha, e dedicar-se intensamente ao trabalho, sempre com bom humor e espírito empreendedor.

O mercado de trabalho

A área de hotelaria está em expansão no Brasil e no mundo, com o aumento do turismo de negócios e de lazer. Segundo especialistas, o turismo interno no Brasil está crescendo, o que abre oportunidades para os hoteleiros em todos os tipos de hotéis, pousadas e resorts. Há aumento principalmente da quantidade de hotéis 3 estrelas. As capitais do sudeste, especialmente São Paulo e Rio de Janeiro, concentram o maior número de vagas, por serem cidades com muitos eventos ao longo do ano e alta movimentação de turismo de negócios. As regiões sul e nordeste também estão com a área de hotelaria em crescimento e oferecem boas oportunidades.

Além dos locais de trabalho mais tradicionais para o hoteleiro, outra área promissora é a de hotelaria hospitalar, já existente em hospitais preocupados em oferecer um atendimento diferenciado aos pacientes durante a sua internação. Finalmente, há crescimento também nos campos de administração de shopping centers e condomínios.

Durante os estágios e no início da carreira, o profissional costuma atuar em atividades operacionais, como recepcionista, atendente ou mensageiro, e conforme acumula experiência e mostra dedicação à empresa, pode ser promovido a cargos de maior responsabilidade e complexidade, como supervisão, coordenação e gerência, onde atua na administração, organização, controladoria e planejamento dos serviços de hospitalidade do estabelecimento.

Por dentro da carreira em Hotelaria

Ser formado em hotelaria não é um pré-requisito para ingressar na área, mas é um diferencial na competição pelas vagas e permite maior mobilidade e crescimento na carreira, ou seja, maiores salários. Segundo levantamento realizado pela Catho, a média salarial...

Leia Mais